Como uma apresentação dinâmica pode fazer a diferença? - WIS Educação

Como uma apresentação dinâmica pode fazer a diferença?

ATENÇÃO! Atenção! A atenção do público é tão importante que é preciso fazer de tudo para prendê-la. Em uma apresentação, isso é um desafio ainda maior. Você normalmente tem pouco tempo para cumprir uma série de objetivos: Você precisa passar a sua mensagem, prender a atenção de quem está ouvindo, e ainda ser objetivo. Por isso, escolher uma apresentação dinâmica pode fazer a diferença. Para sempre continuar se aprimorando, confira o nosso site e nossas outras dicas.

Planejando

Uma boa apresentação é uma mescla de conceitos que parecem opostos. O primeiro, é o planejamento. Ter um roteiro a ser seguido ajuda muito a garantir que a mensagem irá ser sempre transmitida da maneira ideal e completa. Não adianta nada ter uma apresentação incrível se o conteúdo e seu objetivo não foi passado.

Portanto, esse é o primeiro passo. Planejar e encontrar a melhor forma de transmitir o conteúdo para o público que irá ser alvo da apresentação. Você pode observar bem o perfil do público para encontrar a linguagem perfeita para cativá-lo.

Uma apresentação dinâmica significa também velocidade. Por isso, evite ao máximo textos extensos, ou muito tempo em que existe apenas um “monólogo”. A não ser que você seja extremamente carismático, faça perguntas para que os ouvintes participem e incentive ao máximo qualquer “interrupção”, desde que ela faça sentido. Se alguém tiver uma experiência que quiser compartilhar, ou uma dúvida, deixa que eles fiquem à vontade.

Colocar um pouco de “bagunça controlada” na apresentação, dependendo do público, pode ser uma ótima forma de aproximação, de deixar o ambiente um pouco mais descontraído e ajudar todos a receber melhor a mensagem.

O uso dos recursos visuais

Se uma imagem vale mil palavras imagine o quanto vale um vídeo? Por isso, use e abuse dos recursos visuais mais variados. Imagens, gráficos, vídeos, varie bastante para deixar os ouvintes atentos, sem saber o que pode vir a seguir. Mas, seja coerente e sempre exerça o bom senso. Não coloque um vídeo ou uma imagem apenas “por colocar”. Lembre-se, na “bagunça controlada”, cada aspecto está lá por um motivo.

Fuja do básico, da apresentação do Power Point. Todo mundo já as viu milhões de vezes, e ninguém se impressiona mais. Sempre que puder, impressione. Já que o assunto é inovação, não tenha medo de usar a tecnologia, e invista em recursos como a realidade aumentada. Para conhecer mais sobre inovação e as tecnologias que a cercam, continue conosco.

Uma pitada de bagunça

Como dito acima, a “bagunça controlada” é o maior aliado de uma apresentação dinâmica, já que o pior que pode acontecer é ela ser chata. Alguém que consegue fazer o público participar, rir e se emocionar, certamente tem uma apresentação de sucesso. Excetuando alguns tipos de apresentação, sempre existe espaço para o bom humor e para o improviso.

Ele muitas vezes será necessário. Problemas técnicos acontecem, e você deve estar preparado para eles. A “bagunça” é só aparente, e você já está preparado para tudo. Se houver uma interrupção você sabe o que fazer, se um equipamento falhar a piada já está pronta.

Portanto, a principal dica é ensaiar bastante. Ensaie a apresentação quantas vezes for necessário, sozinho, no espelho, e também com um público. Reúna alguns colegas, familiares, amigos ou o que quer que seja e “teste” a apresentação neles.

A inovação e o dinamismo são dois pontos fundamentais para qualquer apresentação. Portanto, para saber mais sobre o assunto e estar sempre preparado para cativar o seu público, confira o nosso site.

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *